繁體中文 简体中文 Português English Muito nublado com abertas
Obra da Colocação da 4.ª Conduta de Abastecimento de Água a Macau arranca na próxima segunda-feira

 (Direcção dos Serviços de Assuntos Marítimos e de Água, Direcção dos Serviços de Assuntos de Tráfego, Instituto para os Assuntos Cívicos e Municipais)

Com vista a acompanhar o desenvolvimento e a necessidade de abastecimento de água da zona do Cotai, o Governo irá instalar nesta zona a 4.ª Conduta de Abastecimento de Água a Macau (Trecho da RAEM), estabelecendo uma ligação com a respectiva conduta no Interior da China para assegurar o abastecimento de água bruta em Macau. As obras terão início na próxima segunda-feira (18 de Setembro). Durante a execução da obra, serão implementados desvios temporários de tráfego, apelando-se ao público para prestar atenção às respectivas alterações.

Com o desenvolvimento contínuo da zona das Ilhas e de acordo com tendência actual de aumento do uso de água, prevê-se que, em alguns anos, o sistema de abastecimento de água em Macau atinja a sua capacidade total. O Governo da RAEM tem-se empenhado em promover a instalação da 4ª conduta de abastecimento de água a Macau, para concretizar a importação directa de água bruta do lado de Hengqin para a zona do Cotai. Em articulação com a construção de uma nova estação de tratamento de água, aumentar-se-á a capacidade de produção de água potável da zona das Ilhas, assegurando o abastecimento de água.

O trecho da RAEM da 4.ª conduta de abastecimento de água a Macau irá partir do ponto de entrada da respectiva conduta do Interior da China a Macau (norte da Estrada do Dique Oeste na zona do Cotai). A conduta de água bruta será ligada ao reservatório do Seac Pai Van e à entrada de água bruta da instalação da bomba de água de uma nova estação de tratamento de água. A execução da obra envolverá cerca de 2,8 quilómetros de comprimento, sendo o diâmetro da conduta de 1,6 metros. Com vista a evitar repetições nas escavações das estradas, a Companhia de Electricidade Macau (CEM) irá realizar, ao mesmo tempo, a obra do “Plano de Fornecimento da Electricidade ao Hospital na zona de Cotai”. O período de execução das obras, após as medidas de coordenação e optimização, será de cerca de 600 dias úteis.

A respectiva conduta, que se estende directamente desde a Ilha de Hengqin até à zona do Cotai, com capacidade de abastecimento diário de 200 mil metros cúbicos de água, irá diminuir a dependência da rede de abastecimento actual que liga com o território através da zona norte de Macau, aumentando, desta forma, a sua capacidade de resistência a eventuais riscos. Em articulação com a estação de tratamento de água em construção na zona de Seac Pai Van, com capacidade de tratamento diário de 130 mil metros cúbicos de água, este empreendimento irá aliviar a produção concentrada de água na península de Macau, garantindo, deste modo, a segurança e a estabilidade do fornecimento de água nas Ilhas, facto que desempenha um papel importante no desenvolvimento a longo prazo da economia do território.

  

No seguimento da obra da instalação da conduta, após coordenação entre o Instituto para os Assuntos Cívicos e Municipais (IACM) e a Direcção dos Serviços para os Assuntos de Tráfego (DSAT), o desvio do tráfego da primeira fase da obra terá lugar de 18 de Setembro do corrente ano até 19 de Fevereiro de 2018, numa parte da Avenida do Cotai entre a Rotunda do Dique Oeste e a Rotunda do Cotai. Apela-se aos condutores para prestarem atenção ao respectivo desvio temporário, planeando o mais cedo possível o seu trajecto da deslocação para evitar incómodos ao seu dia-a-dia.

        Conforme o plano da DSAT, a obra decorrerá em oito fases, sendo que a primeira fase terá início na Avenida do Cotai e na Rotunda do Cotai. Considerando o carácter imperioso desta obra, o IACM irá, segundo as respectivas orientações, cobrar o dobro da taxa de licença para as situações que envolvam a repetição de escavação em algumas vias públicas. Quanto às restantes fases da obra, estas serão consideradas segundo o mesmo critério, sendo o deferimento do pedido de licença condicionado pelas orientações sobre a repetição de escavação dentro do período de dois anos e o parecer da DSAT quanto às medidas de tráfego. Por outro lado, para reduzir as situações de repetição de escavação, o IACM coordenou com as várias concessionárias, no sentido de realizarem, de modo simultâneo, o assentamento das respectivas tubagens durante o decorrer da obra em causa.

        A execução da obra será acompanhada de perto pela Direcção dos Serviços de Assuntos Marítimos e de Água, Direcção dos Serviços para os Assuntos de Tráfego e pelo Instituto para os Assuntos Cívicos e Municipais, a fim de garantir um bom trabalho de coordenação e reduzir o impacto da obra no tráfego e nos utilizadores das vias públicas. Assim sendo, solicitamos a compreensão do público, atendendo ao carácter imperioso desta obra, bem como a sua atenção relativamente às medidas provisórias de tráfego e aos cuidados necessários para a segurança rodoviária.

Obra da Colocação da 4.ª Conduta de Abastecimento de Água a Macau arranca na próxima segunda-feira
Obra da Colocação da 4.ª Conduta de Abastecimento de Água a Macau arranca na próxima segunda-feira